Campanha

Palavra do presidente

As questões da infância e da adolescência são urgentes e fundamentais para o desenvolvimento de uma sociedade que preza por acesso, garantia de direitos e melhoria da qualidade de vida.

Consciente de que o dever de zelar pelo desenvolvimento das crianças e dos adolescentes não é exclusividade do Estado, mas sim de toda a sociedade, a Confederação Nacional de Municípios (CNM), junto com entidades apoiadoras, lança a campanha nacional on-line “Os Municípios pela infância e adolescência”.

Nesse sentido, como forma de subsidiar os Municípios, a fim de que possam aprimorar financeira e tecnicamente suas políticas públicas, a CNM busca incentivar a criação, a regularização e o cadastramento do Fundo para Infância e Adolescência (FIA).

Os Fias municipais são instrumentos que podem auxiliar o poder público a aprimorar suas receitas e, assim, potencializar áreas estratégicas.

A CNM reconhece o FIA como um mecanismo que fortalece a participação da sociedade civil na construção, na promoção, na defesa e no fortalecimento da garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes. A campanha de caráter nacional tem o propósito de sensibilizar e mobilizar os 5.568 Municípios, os prefeitos, os profissionais, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), os gestores municipais e os demais atores, a fim de que eles possam ter meios de captar recursos para complementar as receitas dos Fundos Municipais, para custear a implantação e a execução de projetos sociais locais, programas, ações e serviços dirigidos ao atendimento dos direitos de crianças e adolescentes.

A CNM reconhece o FIA como um mecanismo que fortalece a participação da sociedade civil na construção, na promoção, na defesa e no fortalecimento da garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes. A campanha de caráter nacional tem o propósito de sensibilizar e mobilizar os 5.568 Municípios, os prefeitos, os profissionais, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), os gestores municipais e os demais atores, a fim de que eles possam ter meios de captar recursos para complementar as receitas dos Fundos Municipais, para custear a implantação e a execução de projetos sociais locais, programas, ações e serviços dirigidos ao atendimento dos direitos de crianças e adolescentes.

Presidente da CNM
Paulo Ziulkoski

Voltar

Palavra do Presidente

Responsabilidade e eficiência
na gestão do Fundo dos
Direitos da Criança
e do Adolescente
Leia Mais